Desnotícias:Galvão Bueno não narrará a final da Libertadores e fãs comemoram

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa

Este artigo é parte do Desnotícias, a sua fonte de ignorância 24 horas por dia.

Galvão Bueno demonstrando o seu carinho para os fãs

Lima Duarte, Pênis Peru

Bem amigos da Desciclopédia, viemos informar que o narrador e chato Gavião Bueiro não participará da narração da final da Libertadores pois seu coração não anda lá essas coisas e como o próprio sempre diz: "Haja coração". Em seu lugar, a Glóbulo chamou o narrador sem emoção Luis Roberto para narrar a final entre Flamengo e River Plate. Em resposta, os telespectadores desejaram melhoras ao chato mas ao mesmo tempo comemoraram por estarem livres daquela narração insuportável que ninguém aguenta mais.

Curiosidades[editar]

O MDB da nova ditadura e amantes acadêmicos de Zzzzz Perrela ficaram chupando dedo com o novo título.

Com mais de 400 anos de carreira, Galvão Bueno sempre esteve infernizando os principais eventos esportivos do país e encheu o saco em 12 Copas do Mundo. Na Glóbulo desde 1900 e guaraná com rolha, narrou as conquistas quando o Brasil ainda era uma seleção séria nas Copas de 1994 e de 2002. Também narrou Fórmula 1 e foi o responsável pelo acidente que matou Ayrton Senna, após fazê-lo dormir com aquele blá-blá-blá ao invés de narrar a corrida, a quem ele falsamente chamava de amigo.



Fontes[editar]