Mariana Monteiro

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
ESTE ARTIGO É SOBRE UMA GOSTOSA!!

Ela provavelmente não sabe atuar, dançar, cantar, desfilar, praticar esportes, fazer cálculos matemáticos ou qualquer coisa de útil para a humanidade. Mas quem liga? Todo mundo a conhece apenas porque ela é uma baita duma

GOSTOSA

Ruiva na piscina.jpg
Mariana Monteiro
JMO 2685-copy.jpg
Foto de Mariana Monteiro usada nesse artigo de forma complemente redundante tá, para mostrar que é popozuda
Nascimento 17 de Novembro de 1988
Bandeira de Portugal Portugal
Ocupação Atriz e Modelo

Cquote1.png Os peitões mais famosos de Portugal! Cquote2.png
Português sobre Mariana Monteiro.
Cquote1.png Ou não. Cquote2.png
Alexandra Lencastre e Oceana Basílio sobre citação acima.
Cquote1.png A Bia eh maixx windah duh k ah Matilde!!! Cquote2.png
Pita alienada dos Morangos com Açúcar sobre Mariana Monteiro.

Mariana Monteiro é uma atriz portuguesa famosa por ser uma Peituda natural e um raro caso de atriz que realmente tem formação em Teatro, apesar de só interessar o facto dela ser a baita de uma gostosa.

Inícios[editar]

Se você reparou que um tubo é verde e o outro é rosa, significa.

M&M nasceu no Porto, onde encheu o bandulho de Francesinhas o que lhe fez crescer as mamas. Na cidade invicta dos tripeiros fanáticos pelo FêQêPê, frequentou o curso de Teatro da Academia Contemporânea do Espectáculo, rodeada pelas típicas bichas do Porto, que hoje devem fazer playback de Cher e Madonna no Pride, enquanto se rodeiam de lantejoula e plumas. Ainda hoje, Mariana costuma frequentar o Finalmente em Lisboa para recordar os antigos colegas de escola. Ou não.

Mas Mariana tinha ambições maiores do que ficar no Porto a aturar a classe teatral tripeira e quando fez 16 anos mudou-se para Lisboa, onde foi tentar a sua sorte, mas, como qualquer ator que quer sobreviver em Portugal, teve de ir para a televisão. Mas para ir acabar nos Morangos com Açúcar, Mariana Monteiro devia mais à beleza do que ao talento para a representação.

Carreira[editar]

Mariana Monteiro gostosa até no meio do lixo.

Em 2005 chega-lhe a sua grande estreia televisiva com a 3º edição dos Morangos com Açúcar, onde interpretou Bia, a irmã da protagonista (Joana Duarte), uma Pita que ficou conhecida pelo penteado estranho e porque era pseudorevoltada. Enquanto Joana Duarte roubava a cena, só quando chegou a série de Verão é que Mariana chamou a atenção da comunidade punheteira portuguesa, enquanto se pavoneada pelo ecrã a exibir os peitões num biquini reduzido. Esta participação valeu-lhe uma legião de Pitas como fãs, alienadas pelo seu penteado esquisito. Também colocou a comunidade punheteira portuguesa a ver publicidade a cremes depilatórios, onde aparecia com os seus famosos peitões entalados num biquini apertadinho.

Como a comunidade punheteira gosta dela.

Como todas as suas coleguinhas da Moranguada, também Mariana Monteiro foi capa da FHM, para delícia da comunidade punheteira portuguesa que se babou pelas fotografias em biquini da gostosa tripeira, ainda que toda a produção esteja muito brega. Depois de soltar a franja para a revista que todos os pais portugueses tinham escondidas num armário qualquer da casa, Mariana não voltou a repetir a proeza. Infelizmente. Há quem defenda que isto foi um método de se distanciar da Diana Chaves, já que essa, sim, apareceu em biquini em todas as "revistas para adultos" portuguesas nos Anos 2000.

Desde então que tem participado em novelas, todas com a mesma história, exclusivamente para a TVI. Só em 2013 é que se conseguiu libertar das garras do quarto canal e mudar para a RTP1, onde foi brincar de apresentadora de televisão, porque, em Portugal, uma famosa tem sempre as três ocupações: atriz, modelo e apresentadora de televisão. Até parece que não existe o curso de Jornalismo em território nacional...

Vida Pessoal[editar]

Pouco se sabe sobre a vida pessoal de Mariana Monteiro, quer isto dizer, não se sabe por quem é que foi comida, mas isso também não interessa a ninguém.

Em 2012, para infelicidade da comunidade punheteira portuguesa e de quem achava que ela tinha um palmo de testa, assumiu o namoro com João Mota, o vencedor da 2º edição da Casa dos Segredos (ou melhor: Casa dos Degredos), uma das maiores bostas de que há memória na televisão portuguesa, onde só entrava quem tivesse um Q.I. abaixo de zero.

Afiliados[editar]