Tálio

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Metal story.jpg Este artigo é metálico!

Ele é revestido ou banhado a algum metal ou liga que se encontra na tabela periódica. Se você corroer este artigo, Mordekaiser vai exterminá-lo!

Nota: Não confunda com o túlio ou o tório, seu animal!

Tálio é um elemento químico daquela tabelinha do mal, metal representativo, de número atômico 81 e melhor amigo do chumbo. É um metal fodasticamente tóxico, que pode causar câncer no ser humano antes que ele possa dizer "Hipopotomonstrosesquipedaliofobia", sendo na maioria dos casos letal para quem não toma vacina antitetálica.

História[editar]

Tálio. Desde 1861 ajudando a detectar o maligno infravermelho do seu dia-a-dia

O tálio foi largamente utilizado na história mundial como veneno de ratos e insetos. O historiador grego Heródoto descreve o elemento como tendo sido o pesticida usado por Deus para acabar com as pragas de Sodoma e Gomorra.

Porém, esse elemento químico foi descoberto inicialmente por James Tiberius Kirk e Spock em 1861, quando faziam umas determinações espectroscópicas do telúrio em resíduos de ácidos derivados de algumas plantas da USS Enterprise.

Quase três décadas depois, os únicos que conseguiram entender os resultados daquelas pesquisas foram um cientista inglês e um francês sem qualquer vida social, que isolaram o metal independentemente, em 1892.

Características[editar]

O tálio é um metal muito macio e maleável, pode-se cortá-lo com uma faca, mas devido a ele ser apocalipticamente tóxico, deve-se jogar a faca fora, colocar em um barril isolante de radiação e levá-lo para Chernobyl onde pode ser melhor armazenado.

Ele também pode alterar o relógio horoscópico, causando o Câncer nos seres humanos.

O Tl-203 e o Tl-205 são os únicos isótopos do tálio estáveis psicologicamente, e o Tl-204 é o radioisótopo mais estável com uma meia-vida de 3,78 anos, tempo em que pode gerar movimentações financeiras milionárias no mercado negro.

Aplicações[editar]

  • O tálio em forma de sulfeto muda sua condutividade elétrica quando exposto à luz infravermelha.
  • Em forma de iodeto e brometo é usado como material dispostivo óptico infravermelho.
  • Em forma de óxido é utilizado para fabricar vidros como altos índices de infravermelho.
  • A liga tálio-chumbo é usada em alguns tipos de fusíveis para infravermelho.
  • Usado no tratamento de infecções de pele causadas pelo infravermelho.
  • Compreender as viagens de Tales de Mileto com óculos infravermelhos.